Uncategorized

Não faço idéia do que seja o tema deste artigo, mas os gráficos…

Veja mais aqui e, claro, aqui.

world_beer_consumption___productivity

 

Ah sim, o artigo original, após alguma busca, está aqui. O humor é algo sutil, mas você entenderá o que digo. Leia lá.

Uncategorized

Cerveja com preço ajustável…e uma idéia de política pública

Eis uma idéia interessante.

One of Beijing’s micro-brew companies, Jing-A Brewing, was rolling out its latest brew, an IPA called the Airpocalypse, the price of which would be based on the amount of fine particulates in Beijing’s air. If the AQI hit 500 or above, a measurement identified on the U.S. Embassy’s Beijing Air Twitter feed as “beyond index,” the beer would be free.

Agora, a proposta de política pública (um exemplo rapidamente pensado e hipotético): se o nível de solução de crimes e devolução dos objetos roubados for abaixo daquele determinado por uma terceira parte neutra, que não é sequer contratada para avaliar a eficiência policial, o valor das receitas pagas em multas para o Estado cai.

Que tal?

Uncategorized

Beber cerveja significa beber mais Shochu? Ou significa que tem mais médicos por perto? E isto faz sentido?

Claro que você já sacou que estou de brincadeira. Bem, tudo começou quando li esta página (e esta e esta). Na verdade, eu quero é traduzir alguns nomes para ver se consigo trabalhar com esta base de dados. Até lá, ficamos na vontade (e sábado é dia de cerveja!).

De qualquer jeito, os japoneses já fizeram um bom trabalho com as correlações iniciais. É divertido analisar dados sem teoria, não? Olhando parte da tabela deles, descobrimos que…

Consumption of Alcohol 0.6338
Households Living on Welfare 0.6242
People Living Alone 0.5764
American Residents in Japan 0.5601
Annual Rate of Unemployment 0.5243
Churches 0.5227
Rate of Intraregional Railway Passenger Transport 0.5184
Facebook User 0.4844
Average Industrial Land Price 0.4759
Japanese HIV Carriers 0.4635
Attractiveness 0.4543
Average Commercial Land Price 0.4537
Number of Physicians 0.4425
Female Physicians 0.4419
Practicing Physicians 0.4399
Job Offer Retractions 0.413
Game Parlors 0.3988
Consumption Expenditure of Katsuobushi 0.3969
Male Physicians 0.3947
Population Density 0.3889
Average Residential Land Price 0.381
Concentration of Population 0.3631
Video Arcades 0.3554
Rate of Single-parent Households 0.3441
Railway Passenger Transport 0.3268
Obstetricians and Gynecologists 0.3224
Dental Clinics 0.3212
South and North Korean Residents in Japan 0.3168
Doutor Coffee 0.307
Mobile Phone Subscriptions 0.3043
Japanese and Foreign HIV Carriers 0.2943
Starbucks 0.2638
Population Ratio 0.2566
Population 0.2566
Mean Age at First Marriage (Female) 0.2489
Beds for Long-Term Care 0.2484
Nurse 0.247
Consumption of Wine 0.2424
Rate of Nuclear Families 0.2331
Death due to Lung Cancer: Female 0.2326
Consumption of Shochu 0.2318
Hospital 0.2294

Viu só? O consumo de cerveja tem a ver com tudo quanto é variável que você quiser imaginar. Agora, sem teoria, fica difícil saber o que está acontecendo, não fica? Dá para fazer aquelas matérias de jornal erradas que publicam por aí, do tipo: “beber cerveja aumenta o número de usuários no Facebook”.

A correlação é o início. Mas até o último chopp há uma longa noite…

UPDATE: que sorte a minha insistir nas buscas…outro artigo interessante…

Uncategorized

FARC, ABIN, Chavez e o Fundo Soberano

Não gente, nada de Fundo Soberano ainda. Só esta notícia estarrecedora do modelo bolivariano que muita gente no Itamaraty pode se ver tentado a importar para o debate sobre a total falta de privacidade do cidadão brasileiro, exceto se ele pertencer a grupos terro…digo, certos movimentos supostamente sociais. A imprensa brasileira, neste sentido, leva uma goleada dos blogs.

Resta-me apenas tomar uma cerveja em homenagem à blogosfera.

p.s. Se este povo anti-fumo da esquerda anaeróbica levasse a sério o papo da dialética, deveria cobrar um bocado dos seus aliados poluidores pela herança maldita…