Sobre juros simples, compostos e pleitos sem sentido

Em tempos de discussões sobre supostas divergências entre argumentos “contábeis”, “financeiros” ou “políticos”, esta nota dos consultores do senado federal sobre a questão (questão?) dos juros simples e compostos da dívida pública vem a calhar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s