Uncategorized

Dica R do Dia – Mapas

Criaram um grupo no Facebook que está ótimo. Olha a dica de hoje.

Anúncios
Uncategorized

Então cento e sessenta e quatro professores de economia resolveram parar de tergiversar e…

Mapa

O resultado é este Manifesto. Sim, tem tudo que é professor de tudo que é departamento de economia do país (UPDATE: e também fora dele): Insper, UFOP, Unicamp, Ibmec MG, PUC-RJ, CAEN, Fucape, UFPel, UFPE, USP, UCB, UnB, UFRGS, enfim…deixa eu citar os números, conforme os organizadores do manifesto:

Algumas estatísticas básicas do 164 signatários: 75 de instituições públicas no Brasil; 49  de instituições privadas no Brasil; 40 de instituições no Exterior.

Pois é. Não são só os economistas malvados desta ou daquela instituição. Passem os olhos pelos nomes e instituições. Eis o trecho final do manifesto:

O Brasil tem sérios desafios pela frente e para enfrentá-los precisamos de um debate transparente e intelectualmente honesto. Ao usar de sua propaganda eleitoral e exposição na mídia para colocar a culpa pelo fraco desempenho econômico recente na conjuntura internacional, se eximindo da sua responsabilidade por escolhas equivocadas de políticas econômicas, o atual governo recorre a argumentos falaciosos.

Agora você já sabe. Não sou só eu que estou cansado deste papo de contabilidade ‘criativa’ ou de ‘troque carne por ovos’. Nunca, em uma campanha presidencial, economistas tão distintos estiveram tão próximos e, infelizmente, é porque o governo atual estimulou um falso debate econômico.

Bem, a gente se cansa, né? Fique à vontade para divulgar este manifesto para seus professores de economia, amigos, alunos, etc.

Uncategorized

Nobel para Tirole – Mais uma observação

O uso de políticas pró-competição para beneficiar a sociedade como um todo, levando a preços mais baixos nas tarifas de serviços de infraestrutura sob regulação, como telefonia e energia elétrica, é a principal lição, para o Brasil, da teoria do economista francês Jean Tirole, laureado ontem com o Prêmio Nobel de Economia 2014, pela Academia Real Sueca de Ciências.

A avaliação é do economista e estatístico Aloisio Araujo, pesquisador eprofessor do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada(Impa) e da Escola Brasileia de Economia e Finanças da Fundação Getulio Vargas (EPGE/FGV), amigo de Tirole. (Estado de São Paulo, 14/10/2014, p.B4)

Para quem não entendeu ainda o significado do prêmio, eis outra ótima manifestação. Aliás, se você curte estudar parcerias público-privadas, então é impossível escapar desta discussão, ou seja, você tem que ler o Tirole, sob pena de ficar para trás na conversa.

Quem não acredita em Microeconomia (sic, sic e, quiçá, sick) pode ir chorar no cantinho da sala…

Não, não é o José Wilker.