Uncategorized

A economia ficou mais teórica?

Não. Opa, eu errei? Não, não errei. O que seu colega anti-economista bradou aos sete ventos sobre a economia ser “muito teórica” é um erro?

Sinto muito. Depois deste estudo, não tem como reclamar.

Moral da história: estude estatística antes de repetir chavões publicados em colunecas de jornalecos ou em livretinhos de fanáticos.

Claudio
p.s. aí vai o abstract:

We compile the list of articles published in major refereed economics journals during the last 35 years that have received more than 500 citations. We document major shifts in the mode of contribution and in the importance of different sub-fields: Theory loses out to empirical work, and micro and macro give way to growth and development in the 1990s. While we do not witness any decline in the primacy of production in the United States over the period, the concentration of institutions within the U.S. hosting and training authors of the highly-cited articles has declined substantially.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s