Uncategorized

Pobres e alimentos

Vem aí o Wal-Mart para os mais pobres. “Nunca antes na história deste país” um governo conseguiu fazer o que o capitalismo Wal-Martiano fará agora.

Durante os três anos de testes, a empresa descobriu que o consumidor brasileiro quer preços mais baixos, mas não gosta de lojas com pouca variedade de mercadorias, onde não encontre marcas conhecidas.

É um comportamento diferente do consumidor americano, que freqüenta lojas de desconto, com oferta limitada de produtos, muitos deles com marca própria do supermercado, o chamado modelo hard discount. No Brasil, será adotado o modelo soft discount, com lojas parecidas com supermercados, mas um pouco menores. As lojas de vizinhança do Wal- Mart terão, em média, 2,5 mil metros quadrados e vão oferecer entre 3 mil e 7 mil itens.

Segundo Trius, durante os três anos de testes, o modelo se mostrou economicamente viável. “Nossos preços são, em média, 8% mais baixos do que as outras lojas do bairro onde estão instaladas e temos retorno financeiro.”

Ou seja, para combater o “neoliberalismo selvagem”, você, aguerrido bolivariano, deve impedir que pobres tenham acesso a supermercados privados com preços competitivos. Há algumas possibilidades: i. lutar para mais subsídios para os pobres (não funciona porque eles ficam ricos e os que pagam a conta ficam pobres), ii. lutar para empobrecer os pobres sem enriquecer o restante da população (pode ser uma boa idéia, mas o difícil é jogar a culpa no Wal-Mart…use o “exército de reserva de pedagogos e professores ideologizados” para tentar vender a idéia).

Para mim, que não sou bolivariano, apenas um reles economista, é interessante verificar mais uma demonstração clara de que não se “importa modelos de consumistas norte-americanos” na Wal-Mart. Pelo contrário, estudou-se bem os consumidores brasileiros antes de dar o passo na competição por mercados que ora se configura.

Moral da história? É possível que a Wal-Mart consiga levar mais produtos aos mais pobres e ainda aumentar seus lucros.

Claudio

Um comentário em “Pobres e alimentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s