Uncategorized

A diferença entre bancos públicos e privados…e um banco público

O leitor que já conhece o excelente ReclameAqui deve ter notado o novo serviço de comparação de empresas, em termos de reclamações e respostas às mesmas.

Por curiosidade, resolvi olhar dois bancos públicos e dois bancos privados. Eis os resultados (clique na imagem para ampliá-la).

O que mais me impressiona nesta rápida comparação é a total falta de atenção e/ou empenho da CEF em responder as reclamações. Não se trata de 1% ou 2% de respostas, mas de 0%!

Talvez a comparação acima mostre não apenas a diferença entre governanças de bancos privados e públicos, mas também uma possível diferença entre governanças entre bancos públicos. Quem já usou o SAC da CEF – ou já teve problemas com seus serviços – poderá, quem sabe, dizer algo a respeito deste curioso resultado.

Uncategorized

Várias

1. Enem e o salário dos professores: há relação? – Esta é uma discussão que precisa ser feita, sem rodeios. Erik levantou a bola.

2. A política monetária da era Reagan é uma boa opção para Bernanke?

3. Mansueto volta ao tema dos gastos com pensões e suas distorções tupiniquins.

4. IS-LM: um bom resumo do debate, por Ronald.

5. R e Stata e o logit multinomial.

6. O filme que você não verá neste “gigante” mercado que é a “poderosa” economia brasileira. (p.s. esta história dos nacional-inflacionistas se acharem e começarem com esta de dar conselhos às economias verdadeiramente desenvolvidas é risível. O argumento dos caras, para estes “carteiraços” é, metaforicamente, este: “Somos uma tribo de canibais e não fomos atingidos pela crise das grandes potências porque nossa economia é uma economia de tribo de canibais. Logo, todos vocês deveriam abrir mão de tudo e reverterem suas economia a tribos de canibais…”).