Uncategorized

Indicadores para que te quero?

Ok, eis uma pesquisa sobre indicadores. Segundo o ponto-de-vista da ONU – que tem sérios problemas em pontos-de-vista como vejo em suas catastrofistas previsões sobre clima e fome – algumas cidades mineiras estão longe de cumprir seus critérios.

Mas aí eu pergunto: e no quesito “liberdade econômica”? Alguma cidade vai bem neste critério? Em resumo, o que eu quero dizer é que há indicadores e indicadores e não sei se é tão relevante eu me preocupar com o que um burocrata da ONU achou ou deixou de achar sobre Tuiutu do Norte quanto com a liberdade econômica, cujo impacto sobre o crescimento econômico e sobre a redução da pobreza já acumula alguns muitos artigos (claro, há controvérsias, pois falamos d ciência, não de fé ou política).

Menos, ONU, menos…

p.s. eis algo mais útil sobre os interesses e os incentivos em acordos globais como os que fazem o ganha-pão dos funcionários da ONU.

Uncategorized

Os tigres africanos

“A África fez progressos substanciais nos últimos anos”, disse o ex-secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Kofi Annan, que preside o painel. “No entanto, a crise atual dos alimentos ameaça reverter muitos dos ganhos conquistados”, acrescentou.

A burocracia da ONU é um caso médico…

Uncategorized

A ONU ataca o lado errado do problema

Ela tenta controlar os preços dos alimentos pedindo pela ajuda do governo. Talvez devesse ouvir o que disse o Nobel Amartya Sen. Amartya Sen já foi muito “namorado” por nossos pterodoxos. Após entenderem (tem que saber um pouco de matemática e também um pouco de lógica, nada que um bom estudante não conheça) o que ele disse, pararam de falar dele. O mesmo vale para a McCloskey, tão celebrada por conta da “retórica” que os pterodoxos verborrágicos pensavam ser “a madame de ouro”…