Uncategorized

As economistas brasileiras ou “há economistas e Economistas brasileiras…”

Neste artigo do economista-chefe da Google, Hal Varian, há, na bibliografia, um artigo co-autorado por Marilda Sotomayor. Quem seria esta economista? Bem, os cursos de economia brasileiros, em geral, não estudam a história do pensamento econômico brasileiro o que é até um alívio, dado o “amor” de muita gente pela idolatria e doutrinação (aponte um erro em um trabalho de Celso Furtado e, pronto, você é um “vendido”).

Mas nem é preciso criar mais uma disciplina para pilantra vagabundear e distribuir panfletos de partido político em sala. Basta que os professores acompanhem as pesquisas de seus pares. Humm…pensando bem, isto também não é muito comum no Brasil. Mas vamos lá, mesmo assim, quem seria Marilda Sotomayor? É uma professora de economia, atualmente na USP.

Pois é. A profa. Marilda é uma das melhores pesquisadoras que temos. E é bibliografia do Varian. Se você quer entender microeconomia, não é comigo que tem que estudar: é com ela.

Uncategorized

A picaretagem universitária

Excelente texto (pequeno, mas cheio de informações) do Al Roth sobre a picaretagem dos cursos universitários que vendem gato por lebre. Melhor trecho:

In the United States, the focus seems to be on degrees. (If you type “college degrees” into Google, you find a number of intriguing options, including one that offers a degree in a week. Of course, maybe they have discovered a teaching and learning technology that we should all emulate…)

O negrito é por minha conta. Realmente é de uma picaretagem sem tamanho, não?