Uncategorized

Tavares Bastos, o ceticismo, a liberdade

As opiniões que professo são exclusivaemente minhas. O código das minhas idéias promulgou-o um legislador: a observação. Alimento-as isento de preocupações históricas; professo-as sem prevenções políticas. Vosso amigo não é um liberal, não é um puritano, não é nada disso, e é tudo isso. É um homem sem afinidades no passado e isolado no presente.… Continuar lendo Tavares Bastos, o ceticismo, a liberdade

Uncategorized

O político ideal, na visão de Tavares Bastos

“Nas gravíssimas circunstâncias do Brasil só reformas liberais em todos os assuntos podem salvá-lo. Como à Rússia, como à Áustria, como à França, chegou o seu dia também. Acreditara no prestígio despótico da autoridade, como o menino se confia à onipotência do mentor, como o povo de Deus libertado ao seu guia nos desertos. Mas… Continuar lendo O político ideal, na visão de Tavares Bastos

Uncategorized

Tavares Bastos e a abertura unilateral do comércio

(…) a livre navegação do Amazonas deve ser estipulada em convenções com outros governos não ribeirinhos, ou é melhor permiti-la por ato próprio do governo imperial? Quando não sentíssemos já os efeitos de tratados dessa natureza, como são as convenções consulares, bastava o fato de não se haver carecido de tal recurso a respeito dos… Continuar lendo Tavares Bastos e a abertura unilateral do comércio

Uncategorized

Mais Tavares Bastos, menos chavão.

Homem de estatísticas, de textos de leis, de críticas claras, não necessitava inflacionar as páginas de seus livros com citações longas e afetadas, moda que, na República, se tornou quase epidêmica, como se a cultura decorresse de indicações livrescas desnecessárias ou despropositadas. [Tavares Bastos, A.C. “O Vale do Amazonas”. Coleção Brasiliana, v.106, Companhia Editora Nacional,… Continuar lendo Mais Tavares Bastos, menos chavão.

Uncategorized

Substituição de importações e fechamento da economia…na visão de Tavares Bastos

Commettemos tambem a inepcia de fazer das tarifas das alfandegas um ponto de apoio da industria nacional contra o que chamava-se em França a invasão dos productos estrangeiros. (…) As industrias protegidas desapparecem ou definham, mas as taxas perduram. [Tavares Bastos, A.C. Cartas do Solitario, 1863, 2a ed., p.20] O mais engraçado é que, outro… Continuar lendo Substituição de importações e fechamento da economia…na visão de Tavares Bastos

Uncategorized

Tavares Bastos e o capital humano

Abolicionista que era, mas também ciente das restrições que ocorreriam caso a abolição viesse de uma só vez, Tavares Bastos tinha uma proposta que avançaria marginalmente (o que teria evitado a crise financeira da abolição estudada por John Shultz?). Interessante mesmo é ver que Tavares Bastos entendia bem a importância do capital humano. Por exemplo:… Continuar lendo Tavares Bastos e o capital humano

Uncategorized

Por que ninguém falou sobre Tavares Bastos na aula?

Estou desconfiado que muita gente lê, mas quase nunca cita um certo trabalho de Tavares Bastos: sua tese de doutorado. Segundo um autor antigo, Carlos Pontes, em seu Tavares Bastos (Aureliano Cândido, 1839-1875),…veja você mesmo: “Versava ela sobre os seguintes motivos: Sobre quem recaem os impostos lançados sobre os gêneros produzidos no país? Sobre o produtor ou… Continuar lendo Por que ninguém falou sobre Tavares Bastos na aula?

Uncategorized

A lei do trabalho de Tavares Bastos e o custo de oportunidade (e um pouco sobre o Estado-Leviatã)

Qual é a grande lei do trabalho? É o progresso, isto é, o aperfeiçoamento do trabalho, seja publico, seja privado, se mede pela sua economia, economia de serviço pessoal que corresponde á economia de tempo, economia de tempo que redunda em economia de dinheiro. Pois bem: nossa administração parece mover-se por uma lei inversa. Nella… Continuar lendo A lei do trabalho de Tavares Bastos e o custo de oportunidade (e um pouco sobre o Estado-Leviatã)

Uncategorized

Retrospectiva 2016?

Alguns hits deste blog e alguns que achei interessantes (publicados em 2016). Desculpem-me a retrospectiva bagunçada, mas…bem, vocês já sabem como sou. Desmascarando correntes…https://gustibuseconomia.com/2009/08/28/quando-a-moeda-circula-nem-sempre-a-economia-prospera/ Um apelo para que se olhe os dados: https://gustibuseconomia.com/2016/05/27/economia-do-crime-estupro-na-suecia-jamaica-bolivia/ Claro, o eterno campeão-zebra deste blog: https://gustibuseconomia.com/2007/09/15/receita-para-engordar/ Piadas malvadas: https://gustibuseconomia.com/2006/04/12/frases-para-se-colocar-em-papel-de-bombom/ Este aqui do André Carraro (que há anos fez parte do blog): https://gustibuseconomia.com/2007/08/29/um-sistema-socio-economico-ideal-seria/ A apostila… Continuar lendo Retrospectiva 2016?

Uncategorized

Males do Estado Brasileiro…ao longo dos séculos

Si o mais seguro meio de attingir á reducção do imposto é o de reduzir simultaneamente a despeza, haja um governo patriotico que se levante sobre as ruinas dos ministerios aulicos, e combata as grandes causas permanentes dos nossos embaraços financeiros,- o funccionalismo exagerado pela centralisação, o luxo administrativo, os subsidios estrangeiros, a onerosa politica de intervenção e protecção. [Tavares Bastos,… Continuar lendo Males do Estado Brasileiro…ao longo dos séculos

Uncategorized

E agora social-democratas e conservadores?

No link móvel do IL-RJ: E agora, social-democratas e conservadores? ROBERTO FENDT “As críticas não se dirigem aos liberais. A crise foi gerida pela parceria de um presidente conservador com um Congresso social-democrata” NAS ÚLTIMAS semanas, com o recrudescimento da crise financeira, os liberais brasileiros viraram saco de pancadas de todos os descontentes com o… Continuar lendo E agora social-democratas e conservadores?