Taxistas não garantem sua segurança…e eu nunca fui agredido por um motorista de Uber. E você? Já quanto aos taxistas…

Após ler esta notícia – eu acompanhei a transmissão ao vivo e, sim, vi como alguns taxistas faziam pressão quase física sobre estudantes – vejo que um dos argumentos dos que desejam manter nosso transporte sob o controle de poucos está errado.

Dizem que “alguns motoristas de Uber são ex-criminosos (que belo preconceito contra a possibilidade de recuperação de um ex-detento, não? Nossos advogados dos direitos humanos deveriam ser mais contundentes nestas horas…) e que “não se pode ter segurança com o Uber”.

Entretanto, vejo que taxistas estão usando de veladas ameaças contra ativistas que simplesmente disseram que preferiam ter, à sua disposição, táxis e Uber. Prefeitos e vereadores que votam contra o Uber vão garantir a segurança dos cidadãos das cidades? Não, não vão. Dirão o contrário, mas sabemos que não vão.

Taxistas perdem meu respeito a cada dia. A classe inteira vai se desmoralizando por conta da atitude de um punhado – não tão pequeno assim – de profissionais que pensam ter o poder de ameaçar estudantes.

Quem diria. De vítimas de assaltos passaram a ser agressores. Será que seriam tão corajosos diante de uma massa de estudantes cercando seu carro? Pior ainda: será que temos que chegar a este nível de argumentação para o sujeito entender que não, ninguém, exceto o Estado, tem o monopólio do uso da força e, mesmo esta, não pode ser usada a bel-prazer do policial?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s