Uncategorized

Formatura: um momento de um ciclo ou “o” momento de um ciclo?

Ontem foi a cerimônia de colação de grau da faculdade. Comemorou-se a colação das turmas do segundo semestre de 2014. Por motivos alheios à minha vontade (mas não contra ela), fui escolhido como paraninfo da turma. O que é um paraninfo?

s.m. Indivíduo que foi escolhido, geralmente numa cerimônia de colação de grau, para ser homenageado pelos formandos; o título dessa pessoa.
Quem é capaz de defender ou apoiar uma ideia, uma tese, uma causa.
Antigo. Entre os gregos, o escolhido pelo noivo para buscar a noiva.
Ver também: patrono.
(Etm. do grego: paránumphos.us)

Bem, eu não fui buscar a noiva (e agora entendo o porquê do “ninfo”…) de ninguém. Existe esta coisa de ter uma trinca: o patrono, o paraninfo e o professor homenageado. Na nossa faculdade, por motivos que lamento, apenas o paraninfo pode discursar. Não é assim em todo lugar, mas é a restrição que enfrento a cada vez que me chamam para algumas destas cerimônias.

Então aqueles emocionados ali, por algum mecanismo de votação, fizeram-me digno de ser homenageado. Claro que é de emocionar. O momento, obviamente, pede um discurso à altura. Sempre tento, mas nem sempre consigo. Desta vez, a tentativa deu nisto.

Pois é. Eu não sou fã do discurso oficial, este burocrático e pomposo mas de conteúdo algo duvidoso que se lê por aqui. Pouca gente sabe, mas em outros países a prática não é igual à nossa. Há, sim, países em que os discursos são os mesmos (e padronizados) e há os que permitem maior liberdade de elaboração. Tendo a preferir os últimos.

A formatura é um momento de um ciclo? Ou é o mais importante de todos os momentos do ciclo? Meus alunos ainda poderiam acrescentar: é uma quebra estrutural e mudou o processo gerador dos dados? A resposta, claro, é que depende da percepção de cada um.

Fico feliz com a honra concedida. Alguma coisa de certo devo ter feito ao longo dos anos. Alguma coisa que marcou positivamente os meus alunos. Que bom! Ah, sim, a Yasmin me disse, antes de proferir o juramento oficial, que todos imprimiram meu juramento em seus respectivos corações. Sinal de que, ao contrário da burocracia, há espaço para novos juramentos lá na alma de cada um de nós.

p.s. vou ter que tomar duas garrafas de vinho… ^_^

formatura_2015

Anúncios