Uncategorized

Bando de pobres preguiçosos! Ou…

Estes latinos vagabundos…mesmo?

Em “Microeconomia & Comportamento”, de Robert Frank, um trecho muito legal que vale ser citado:

“Os colonialistas que empregavam mão de obra não qualificada em países menos desenvolvidos antigamente viam como um sinal de atraso o fato de os funcionários trabalharem menos horas toda vez que seus salários aumentavam. Mas (…) esse comportamento é consistente com a busca racional de um objetivo perfeitamente coerente”. [Frank, R.H. “Microeconomia & Comportamento”, 8a ed, Bookman, 2013, p.466]

Dá para entender como muitos preconceitos são falaciosos quando se pensa de maneira científica, i.e., com a Ciência Econômica na cabeça? O ponto, simples, é que muitas vezes o sujeito é tão pobre que, para um dado nível de salário não tão alto quanto o de um europeu colonizador, ele já consegue viver confortavelmente.

Faz sentido? Pense: se você é pobre e mora em um lugar igualmente pobre, um salário que não precisa ser o de um executivo de Wall Street já é suficiente para te dar uma vida muito boa, dados os padrões locais.

Aliás…

Quando nos lembramos que, no Brasil, um escravo liberto comprava outro escravo para sinalizar seu novo status social, você percebe que a lógica econômica é a mesma: uma vez escravo, sem direitos e sem salário, não faz sentido trabalhar muito (e daí o preconceito de que “negro tem que apanhar para trabalhar como gente”). Uma vez que ele ascende nesta sociedade que pouco valoriza o trabalho assalariado de negros, ele adquire outro escravo.

Conclusão

Estudar economia liberta a gente de muitos preconceitos, heim?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s