Uncategorized

CDPP: uma ótima notícia para o Brasil

Que ótima notícia eu li no Estadão de hoje: criou-se o CDPP e ele tem muito mais relevância no debate atual do que qualquer outra ONG. Nada de frases de efeito, nada de fanatismo disfarçado de ciência, nada bravatas. Somente a excelência da pesquisa em prol de um trabalho sério em torno dos problemas brasileiros.

Digressão Depressiva

Durante muito tempo achei que os jovens trariam seu entusiasmo para a pesquisa e que isso aconteceria por meio deles. Erro meu, claro. Os jovens não conseguem elaborar textos mais profundos porque não querem saber de pesquisa ou de algo fora da última plataforma que lhes permite compartilhar textos de 147 caracteres ou fotos. Usam a comunicação para compartilhar apenas fotos e recados, não para estudar.

Não estou falando das exceções, claro, mas o surgimento do CDPP mostra isto. Só quem já pesquisa e sabe o tamanho das dificuldades pode buscar construir algo novo com alguma chance de sucesso. De fato, nesta discussão de capital humano e instituições, há algo que, no Brasil, parece funcionar do mesmo jeito: quanto mais novo, mais maoísta e pouco interessado em pesquisa. Quanto mais velho, dependendo do custo de oportunidade, maior o interesse em pesquisa e em conversas relevantes.

Estou muito feliz em ver o CDPP surgir e estou, ao mesmo tempo, muito triste em perceber o quanto sobreestimei a galera mais jovem por muito tempo. Achava que eles fariam isto. Não fizeram. Sucessivas ondas de graduados só fizeram repetir bravatas (já vi até gente chegar ao final do curso carregando preconceitos inacreditáveis) e falar do princípio da não-agressão (do lado de lá) e da luta de classes (do lado de cá) e parar por aí. Nada de ler um livro inteiro, nada de “perder tempo” com mais perguntas sobre o tema.  Nada de econometria porque, afinal, o grande monopolista que financiou a ONG não quer estudos empíricos e a matemática é demoníaca porque (zzzz) o fenômeno social é muito complexo.

Festividades!

É, desabafei. Viva o CDPP! Viva meus amigos que sempre me disseram que eu apostava excessivamente em jovens e que eu estava errado! Viva minha capacidade de aprender racionalmente com os meus erros!

20140920_162454
É, eu também. Nada de choro! Hora de tocar o bonde!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s