Uncategorized

Capital Humano e Choques Institucionais

Alguém poderia fazer um favor aos pais e professores brasileiros e traduzir isto. Ajudaria um bocado o dia-a-dia de vários professores do ensino básico e médio que, realmente, querem ensinar alunos e transformá-los em estudantes. Este material é do Lemov. Repare como sua adoção em sala – juntamente às outras técnicas que ele pesquisou – vão na contramão de muita coisa que se prega na prática educacional brasileira (outras, nem tanto e, claro, em teoria, tudo é muito lindo…mas a prática…).

Aliás, é gratificante saber que há dois livros dele traduzidos para o português. É uma verdadeira revolução na pedagogia (e certamente incomoda interesses há muito encastelados sob práticas supostamente pedagógicas, mas cheias de segundas intenções ideológicas). Choques tecnológicos podem gerar choques institucionais, não? Claro que sim e, por isto, o temor de muitos…

Após o fracasso da geração Y, que não conseguiu botar limites em seus filhos, e hoje se defrontam com a frustração xingando diretores de colégios (ao invés de fazerem sua auto-crítica), nada restou para se elogiar. Os resultados do PISA falam por si, o comportamento totalmente não-civilizado em espaços públicos que adolescentes apresentam falam por si. Claro que não generalizamos, mas falamos de médias. Mesmo assim, é lamentável.

Livros como os de Lemov e a curiosidade de alguns adolescentes – se bem direcionada – são dois insumos poderosos na mudança da qualidade de nosso capital humano brasileiro. Afinal de contas, capital humano se constrói individualmente, em casa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s