Uncategorized

Momento R do Dia – Dica

Em tempos de inflação, conquista deste governo que agora me vem com um papo mole de aumentar o Bolsa-Família (primeiro aumenta P, agora quer aumentar W, sendo que provavelmente vai deixar W/P defasado ou, na melhor das hipóteses, similar a algum valor no passado…), nada como uma dica do R para a inflação. Digo, para a inflação da variância.

Anúncios
Uncategorized

Sociedades inovadoras…(tente adivinhar o resto)

Como eu sempre digo, uma correlação não faz verão. Mas pode-se começar a pensar em alguns problemas do mundo real observando-se correlações. Pensando no post anterior, eis algumas, com o score do país no índice de inovação e variáveis como….

a) Liberdade econômica

inova_1

b) Índice de Falência Estatal (ranking)

inova_2

c) Índice de Filantropia (ranking)

inova_4

 

d) Cultura pró-mercado

inova_5

e) Índice de Cronismo (da The Economist)

inova_3

 

Como se vê, não dá para tirar conclusões com estas correlações bivariadas. Obviamente, você precisa de uma teoria para relacionar estas variáveis. E este não é o único problema. Afinal, os dados apresentados são todos de corte transversal e sabemos que pode haver uma dinâmica para cada variável, ao longo do tempo (embora também seja verdade que este tipo de variável tenha apresente pouca variação ao longo do tempo).

Então, antes de cair nos braços das conclusões apressadas, meu conselho é: escolha a teoria que vai utilizar.

Ah sim, eu continuo achando este indicador da The Economist um pouco complicado, no sentido de que não sei se ele, de fato, capta o cronismo das sociedades. Quanto aos demais, bem, você já os viu neste blog em diversas ocasiões. Basta ter paciência e fazer uma busca pelo blog que você os encontrará aqui (eu diria que sua pesquisa poderia começar em Dezembro de 2013).