Uncategorized

Momento R do Dia (sem dica, só para te provocar)

Por que usar o R?

As pessoas me falam de outros pacotes econométricos, etc. Mas nenhuma delas consegue me apresentar um gráfico como este.

cronismo_filantropia

 

Ok, o tamanho da “bolinha” é função do indicador de capital humano (sim, do Robert Barro!). O eixo vertical é o ranking do índice de cronismo que eu citei mais cedo hoje. No eixo vertical o score do país no índice de “giving” que podemos traduzir como filantropia. Há aí um ajuste linear só para você ter uma noção da média da coisa toda.

Agora, vem cá, vai lá fazer isso em três linhas de comando na sua planilha, vai? Quero ver. Ah, você quer usar o R? Quer mostrar para seu professor de Econometria I que há um modo melhor de se visualizar as relações entre os dados de sua amostra? Então, meu caro, comece a migrar o quanto antes. Barreiras à entrada existem e alunos PREGUIÇOSOS gastam mais tempo do que alunos QUE ESTUDAM nestas horas.

A diferença de produtividade é brutal no início. Depois de aprender o básico do R, aí é até humilhante comparar seu trabalho com o do seu colega. Honestamente, você, ceteris paribus, tendo um trabalho correto, feito decentemente, com uma regressão nos moldes que seu professor pediu, mas com um gráfico como este aí em cima…você realmente acha que a meritocracia é um valor “burguês”? Não preciso nem dizer, né?

Claro que gráficos bonitos, sozinhos, não são nada. Mas, convenhamos, foram três linhas de comando porque me deu preguiça de escrever apenas uma linha. Hoje a Roseli me citou e fiquei muito contente que uma das pessoas mais sérias que conheço começou a usar o R e está usufruindo de algumas dicas que dou aqui.

Tá se achando? Vai aprender a mexer no R antes que alguém te humilhe!

Repare que nem sou “o cara” do R. Apenas tento repassar um pouco do que tenho de conhecimento em Econometria e em R – adquirido, sim, com muito trabalho – para leitores que também querem ser pessoas que adquirem as coisas com muito trabalho. Gente que vai encher os pais de orgulho e que, certamente, será parte daquela parcela de profissionais que arruma emprego em qualquer lugar do mundo.

Eu pensava em falar de raízes unitária hoje, mas este gráfico aí em cima me deixou muito feliz. Foi uma pesquisa pela internet somada a alguns livros e ao bom uso do meu tempo. Vou para o final do dia contente. Claro que ajuda você ouvir que alguns ex-alunos falaram para seus alunos atuais sobre como eles aprenderam algo útil comigo, Salvato, Hamdan e outros. 

Antes de me despedir, fiquem com este outro gráfico, similar ao anterior, mas considerando a liberdade econômica medida em 2013.

crony_freedom

 

Até a próxima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s