Uncategorized

Bolhas

Eu sempre tive dificuldade com este conceito de bolhas. Hoje à tarde, eu e o Diogo ficamos um bom tempo discutindo isto. Tudo porque o Diogo acha que tem bolha no mercado imobiliário e eu não acho.

De qualquer forma, este texto do IPEA veio a calhar. Nele, Mendonça e Sachsida definem bolha (ou melhor, dão definições alternativas de bolhas). Até a economia austríaca entrou no meio, e com econometria, ao contrário do que panfletários austríacos gostariam (em contraposição a estudiosos austríacos, que não têm problemas com métodos econométricos).

Pretendo dar uma lida nele para, depois, voltar a pensar no tema. Quem sabe não consigo irritar o Diogo?

2 comentários em “Bolhas

  1. Os economistas do mainstream tem dificuldade em entender quais são as causas das bolhas. A crise de 2008 é um exemplo disso! Enquanto economistas austríacos estavam alertando para a formação de uma bolha no mercado imobiliário americano já em 2005, os economistas do mainstream diziam que a política econômica estava sendo muito bem conduzida. Deu no que deu! Ler Mises e Hayek ajuda bastante no entendimento das causas das bolhas.

    1. Pena que não houve um economista austríaco que publicasse algo de impacto, já em 2005. Afinal, no mercado das idéias, também vale o argumento econômico: o argumento mais eficiente deve prevalecer. Veremos se Mises e Hayek prevalecerão nos próximos anos ou se os bons insights austríacos é que serão absorvidos pelo mainstream.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s