Uncategorized

Mais sobre o Nobel

Os leitores que também estudam Economia acharão interessante ler este documento, sobre as contribuições de Sargent e Sims. Não é difícil perceber a importância dos mesmos. Há vários anos eu defendia, neste blog, que Sims ganhasse o Nobel. O significado de sua contribuição para a economia se encontra em toda metodologia macroeconômica moderna.

Sargente, como já comentei, é outro que merecia o Nobel faz tempo. Acho que o prêmio, como disse o Selva Brasilis, voltou ao foco correto, que é o de premiar a obra científica dos autores.

Quando Krugman ganhou o Nobel, vários pterodoxos insinuaram que o prêmio mostrava a relevância de idéias keynesianas e anunciavam o fim da economia, tal como a conhecemos (nem Krugman chega a este grau de ingenuidade…). Bem, com o prêmio de hoje, imagino que os mesmos pterodoxos terão que rever seus conceitos.

A macroeconomia novo-clássica – e também a macroeconomia novo-keynesiana – ainda são os pilares do que se faz hoje (inclua aí o pessoal de real business cycles e temos 99% do que há de sério por aí) em economia. Os que pretendem substituir a teoria econômica por arroubos ideológicos podem tirar o cavalinho manco da chuva.

Uncategorized

Nobel

A blogosfera já anunciou e comentou, portanto eis minha opinião sucinta: nobel muito bem dado. Quem me acompanha sabe que sempre achei que Sims merecia. Sargent então, nem se fala…