Uncategorized

Escrevi um panfleto

Vamos falar sério, a religião, goste-se dela ou não, é uma característica marcante do brasileiro e ninguém acredita que campanha eleitoral é hora de “iluminar” as pessoas para o “perigo da religião”. Se um sujeito pode imprimir um panfleto repudiando a dívida externa ou pregando invasões de terras, por que alguém não pode pedir para que alguém não vote em um abortista?

Nem é questão de se discutir o aborto em si. A questão é o direito de pedir votos contra candidatos que são contra o que você pensa ser o correto. Os abortistas têm o mesmo direito de imprimir panfletos contra o pessoal pró-vida.

Agora, isto que aconteceu não tem o menor cabimento: é autoritarismo puro. Vários conhecidos simpatizantes do partido do presidente da Silva que eu conheço repudiaram o ato. Não todos, apenas alguns. Mas, para mim, mostra que nem tudo está perdido na esquerda. Ainda existe gente com neurônios.

Um comentário em “Escrevi um panfleto

  1. “NÃO AO ABORTO!!!! Deixe que nasçam as criancinhas e depois a gente as mata de fome, com drogas, violência doméstica, acidentes de trânsito e toda sorte de maldades…” (as aspas querem significar a minha mais pura ironia)
    Se a questão da vida fosse tão simples que se resumisse a um SIM ou a um NÃO os problemas que atencedem à questão do aborto não existiriam… Fácil dizer sim ou não. Difícil mesmo é PENSAR de forma globalizada!

    P.S.: Cláudio, andei viajando, mas já estava com saudades de ler você… e por falar em ler – nada a ver com economia – mas li dois livros excelentes que valem a pena: Por um Fio / A Teoria das Janelas Quebradas, ambos do Drauzio Varella.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s