Uncategorized

Trabalho em equipe, um bebê e milagres

Este video foi um sucesso na blogosfera. Em resumo, os pais arrumam o bebê no carrinho, mas se esquecem dos freios. O carrinho vai para baixo do trem e, por um milagre, o menino não morre. “Parabéns aos fabricantes do carrinho”, foi meu primeiro impulso.

Mas há outro ponto a se refletir. Mesmo com pessoas bem-intencionadas envolvidas em uma tarefa (dois pais e a segurança do bebê), uma pequena falta de atenção pode por tudo a perder.

Pensando deste ângulo, fica fácil ver que é necessário sempre estar pronto para o imprevisto. Quantas vezes você não viu um colega seu perder tudo por conta de sua incrível falta de atenção? Tem gente que não enxerga sua reputação como dependente de sua atenção nas tarefas. Claro que o caso do carrinho de bebê envolve fatores estocásticos, mas, vamos lá, você não se educa e trabalha para diminuir o risco que corre na vida?

Que o episódio seja uma lição para os que trabalham em grupo.

Anúncios

2 comentários em “Trabalho em equipe, um bebê e milagres

  1. Grande Shikida!
    Sobre o imprevisto, Sêneca dizia: “Não se surpreenda com nada, espere tudo”. Dizia mais: “Nada, seja público ou privado, é estável”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s