Uncategorized

IDERS

Cara nova do IDERS. Muito bacana. Gostei. Os advogados brasileiros, em sua esmagadora maioria, continuam não entendendo nada do que o IDERS faz. Mais ainda, acham que os economistas devem lhe prestar reverência. “A economia à serviço do direito” (tudo, propositalmente, em minúsculas). Lamentavelmente, para eles (e felizmente para nós), esta não é a regra geral. Digo, a regra que nos leva à uma sociedade mais próspera, com mais oportunidades.