Uncategorized

Legendas para fotos que gostaríamos de ver

Via Boing Boing.

Sugestão 1: Sabe como é, Amélia? Ele acha que estou no trabalho agora…

Sugestão 2: Não, não moro em país “emergente”. De onde você tirou esta idéia?

Sugestão 3: É, Genoveva, vim para cá porque um maluco disse que o dólar estava derretendo…

Sugestão 4: Aí eu disse para o Bob Esponja: meu filho, ou você toma jeito de homem ou terminamos.

Sugestão 5: O melhor de tudo é que meu acesso à internet não é discado.

Sugestão 6: Quanto mais me afundo, mais feliz eu fico…e quem leva a culpa é o Jarbas.

Sugestões?

Anúncios
Uncategorized

Internet = folga?

Reinaldo
rei-xxxx@hotmail.com | 200.223.156.118

gostaria de saber sobre os impactos economicos causados pela lei seca no Brasil tire minhas duvidas obrigado reinaldo

Caro Reinaldo,

Blogs são excelentes oportunidades de se conhecer pessoas e de se mostrar características próprias. Mas não existe almoço grátis. Quer saber sobre os impactos econômicos da lei seca? Pesquise. Este blog apresentou vários pequenos textos a respeito. Existem outros. 

Faça sua pesquisa. Do céu ela não cairá e nem existe esta de transferir a pergunta para outros. As coisas vão bem aí em Salvador?

Uncategorized

Falhas de governo, rent-seeking, etc

O governo não permite que médicos ajudem casais não oficialmente casados a terem filhos.

Um caso de falha de governo? Leia a notícia. Trecho:

The issue became a topic of debate last month when entertainer Pauline Lan (藍心湄) said she lost a baby conceived through third-party reproduction in Japan.

Lan was the second Taiwanese entertainer after Pai Ping-ping (白冰冰) known to have tried to become pregnant through the help of a sperm bank in Japan.

Lee Mao-sheng (李茂盛), an obstetrician and gynecologist who runs a fertility clinic in Taichung City, said that a sluggish economy has led to a 10 percent decline in the number of infertile patients seeking assisted reproduction at his clinic over the past 10 years.

(…)

The restriction, however, cannot prevent unmarried individuals from seeking assistance abroad, as in the cases of Lan and Pai, Lee and Chang said.

Furthermore, the restriction could be a major barrier to the country’s efforts to promote medical tourism, in which assisted reproduction has been advertised by the government as a field in which Taiwan’s medical sector enjoys a competitive edge, they said. 

Em outras palavras: médicos locais teriam competência para promover a ajuda a casais em troca de algum dinheiro mas não conseguem porque os casais não são oficialmente casados. Como em qualquer lugar, uma lei que proíbe trocas voluntárias não atinge os que têm mais dinheiro que, por sua vez, conseguem a desejada ajuda em países vizinhos. 

Parece-me um caso típico de falha de governo.

Uncategorized

Mais um filme que não será exibido no democrático Brasil

An American Carol, o filme que trata o desonesto Michael Moore como alvo de comédia. Evidentemente, pluralismo é algo que os nossos amigos “cinéfilos” das eternas discussões sobre “a fotografia” em documentários iranianos com legendas em húngaro não admiram. Afinal, só se fala em “declínio do império americano”, mas nunca na diversidade do cinema. 

Aliás, será que um filme americano só pode ser exibido aqui se faz crítica de parte dos valores norte-americanos? Em outras palavras: Michael Moore pode, mas críticas a ele não pode? 

Assim a cultura estagna e vamos mesmo viver como índios lutando por colares e pedras…

Uncategorized

Ainda a polêmica – continuação

A discussão tem rendido um bocado. Mas eis uma interessante: o governo brasileiro informa, a crianças, de maneira errada, fatos sobre o comunismo. Eu diria que faz parte da polêmica: é o governo tentando replicar propaganda similar a dos ditadores socialistas na maior desfaçatez. Você paga impostos e seus filhos recebem este tipo de “educação” do setor público. Na marra. 

Não dá para discutir criacionismo versus evolução se estamos, ainda, no estágio em que o governo se acha no direito de promover os valores de uma das parcelas violentas nos anos de chumbo (a que não queria a democracia, mas sim um governo socialista) como se fosse este um objetivo de todos, usando falácias e mentiras históricas. Isto antecede qualquer debate sério.