Uncategorized

Excelente desafio aos não-liberais

Caplan faz um belo desafio. Muito economista pterodoxo (da ala ortodoxa) suaria feio neste ponto. Sabe como é, uma consultoria no governo aqui, um cargo ali, e o sujeito, fraco de espírito, transforma-se num suposto “neutro” economista quando, na verdade, está de olho na bufunfa.

Fica aí o desafio para estes pterodoxos já que os da ala heterodoxa, neste aspecto, estão livres, embora isto não signifique, exatamente, um mérito…

Anúncios
Uncategorized

Basta a “Lei Seca”?

Traffic Fatalities and Public Sector Corruption
Nejat Anbarci,Monica Escaleras, and Charles Register

Traffic accidents result in 1 million deaths annually worldwide, though the burden is disproportionately felt in poorer countries. Typically, fatality rates from disease and accidents fall as countries develop. Traffic deaths, however, regularly increasewith income, at least up to a threshold level, before declining. While we confirm this by analyzing 1,356 country-year observations between 1982 and 2000, our purpose is to consider the role played by public sector corruption in determining traffic fatalities. We find that such corruption, independent of income, plays a significant role in the epidemics of traffic fatalities that are common in relatively poor countries.

Onde? Kyklos, 2006. Concluo: o estudo científico mostrou que é importante combater a corrupção do setor público para diminuir os acidentes de trânsito. Temos uma diminuição do nível de álcool permitido no sangue com a nova “lei seca” mas, e quanto à corrupção? Talvez você se interesse pelo tema. Eis um resumo.