Uncategorized

Este eu queria ter assistido

Colocar Rothbard no devido lugar é um bom exercício para se proteger da idolatria de alguns exaltados religio-liberais. Eis uma palestra que eu gostaria de ter assistido. O teste do mercado mostra: se Rothbard fosse tão relevante assim em Economia Monetária, todos nós leríamos Rothbard, não Milton Friedman.

Anúncios
Uncategorized

Lei Seca

Já foi dito por aí que o mundo é o laboratório dos economistas. É verdade, embora os campeões sejam os sociólogos e filósofos com as matanças do século XX promovidas em nome de filosofias redentoras ou racialistas. Recentemente, a administração da Silva aprovou uma lei draconiana sobre bebidas alcoólicas. Os políticos acharam que era mais barato proibir as bebidas do que arcar com os custos de fazer cumprir o já rigoroso código de trânsito anterior. O porquê disto tem a ver com votos e interesses organizados (sempre ouvimos falar de máfias de carteiras de habilitação e subornos…e nunca vi gente rica na cadeia, exceto uma vez ou outra para fazer de conta que as coisas são feitas de forma supostamente séria).

Pois é. Dado que a lei passou (pena que não fazem algo similar para os envolvidos no mensalão e outros crimes tão nocivos à vida humana – já que matam as pessoas aos poucos, tirando-lhe o dinheiro do leite aos poucos), temos que pensar no desemprego, prejuízos e benefícios que a mesma irá gerar. Qualquer economista interessado no tema já deve estar a pensar um bocado neste assunto. Para estes, eu sugiro este working paper que faz algo similar para os EUA, só que relacionando fumo com receitas de cassinos.

Uncategorized

Brasil: a selva do Rent-Seeking (sob as bençãos do “silêncio dos intelectuais de esquerda” porque, quando sr. da Silva abre a boca, tudo o mais se “alumina”)

Noticiário é sempre esta coisa. Aqui temos algo sobre as prefeituras do partido do sr. da Silva. Cabe ao denunciante nos contar mais. Já, aqui, a jornalista cutuca ex-membros do alto escalão da administração Bus..digo, da Silva. Por aqui, Janaína (que não é lá muito liberal, mas é séria, viu liberais radicais?) mostra mais sobre como está este país. Aliás, sobre o jornalismo brasileiro, será que reputação vale algo neste meio? Se sua resposta for positiva, então temos muito o que repensar.

Uncategorized

Então você acha que é fácil discutir direitos de propriedade, né?

Pois veja esta interessante disputa entre três economistas bacanas. A causa? É o seguinte: dois dos sujeitos escreveram um artigo no qual mostrariam, supostamente, que a venda de CD’s não é afetada pelo famoso compartilhamento de arquivos (suas idas ao BitTorrent, por exemplo, meu caro). O outro replicou…mas o editor, Levitt, não aceitou a réplica.

A história tem de tudo para ser – e tem sido – quente. Envolve o Journal of Political Economy, três excelentes e razoavelmente conhecidos economistas e, claro, Levitt. Além disso, há também a questão da base de dados original que não foi disponibilizada – ainda que sob anonimato – para os críticos do artigo.

Isso vai dar o que falar…