Uncategorized

Regressão que eu gostaria de ver

log(acidentes de trânsito) = constante + beta(dias de manifestações de supostos movimentos populares de esquerda) + delta(vetor de controles) + erro aleatório.

Se beta for positivo, quanto a coligação bolivariana restituiria à sociedade?

p.s. podem incluir aí os instrumentos, etc.

Uncategorized

Preocupadíssimos…tanto que nem divulgam mais

Na era Collor, isto daria pano para manga de muito gente supostamente progressista. Mas, no ocaso atual, nem um economista destes que se dizem representantes de nossa classe abre a boca. Estão todos loucos por uma consultoria ou uma bolsa-esmola-de-pesquisador.

Ah, as migalhas dos intelectuais…

Uncategorized

Humm….

Pulverizadas por todos os Estados, as principais obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) estão concentradas em poucas empreiteiras. Levantamento realizado pela ONG Contas Abertas, especializada no acompanhamento da execução orçamentária da União, mostra que desde o ano passado três construtoras permanecem na lista das seis maiores beneficiadas com repasses de recursos federais: a Delta Construções, a SPA Engenharia Indústria e Comércio e a CR Almeida – Engenharia de Obras.

Pode não querer dizer muita coisa, mas eu fico sempre desconfiado destas imensas concentrações de mercado…

Uncategorized

A voz do povo versus o silêncio do IPEA: SÁBADO é dia de ir às ruas (pelo menos em Brasília)

Eu planejava um evento similar com o Juliano (Preço do Sistema) para Belo Horizonte, no próximo domingo, mas estou prestes a desistir, dado que parece que somente eu e ele iríamos (nem meus colegas de blog se manifestaram). Com os últimos acontecimetos do IPEA, fico mais desanimado.

Contudo, há uma esperança. O pessoal de Brasília ainda pode ter maior número de pessoas na passeata pela redução do tamanho do Estado que eu chamaria também de passeata pela liberdade e contra a censura.

Tiradentes continua enforcado, de forma eternizada, na av. Afonso Pena. Vejo-o da minha janela. Os mineiros se esqueceram do significado simbólico do que ele fez.  Ainda aguardo pelo contato do pessoal de BH, mas não tenho mais esperanças.

Boa sorte ao pessoal de Brasília! Abaixo, os detalhes, copiados e colados diretamente do blog do Adolfo.

3º Encontro de Liberais: Pela Redução do Tamanho do Estado

O Terceiro Encontro de Liberais tem uma novidade: menos palavras e mais ação. O objetivo de nosso encontro é criar uma mobilização, a nível nacional, pela redução do tamanho do Estado.

Como iremos implementar essa idéia? Simples: cada cidade brasileira deve marcar um local para realizar sua manifestação no dia 28 de junho (sábado), as 16:00 horas. Em Brasília iremos nos encontrar no Píer 21 (em frente aos cinemas). Cada pessoa deve portar um cartaz com dizeres tipo: “CONTRA o aumento dos impostos”; ou “CONTRA a CSS/CPMF”; ou “A FAVOR da redução do tamanho do Estado”, etc. Eu irei também preparar um texto para distribuirmos para as pessoas que estiverem nos arredores. Nós não faremos caminhadas e nem invadiremos prédios públicos, nossa manifestação limita-se a divulgar nossa opinião de maneira pacífica e civilizada.

Espero poder contar com a ajuda da internet e dos blogueiros para divulgarmos, e organizarmos, esse evento. Vamos mostrar que a esquerda NÃO TEM o monopólio da verdade e nem o monopólio das manifestações.

Shikida estou contando com seu apoio. Que tal o Degustibus comandar a manifestação de Belo Horizonte? Talvez o Tambosi pudesse ajudar em Florianópolis. Também quero contar com o Resistência, com o CATO, com o Ordem Livre, com os Institutos Liberais, com o C.A. de Economia da UFG, e com todos que queiram ajudar.

Se você quer organizar a manifestação do dia 28 de junho em sua cidade, peço-lhe um favor: mande um e-mail para esse blog dizendo: a) seu nome; b) como entrar em contato contigo; e c) LOCAL da manifestação. Peço que não sejam marcados Encontros para dentro de Universidades, temos que levar as idéias ao grande público.

Amigos, eu sei que dá trabalho. Mas se não começarmos a nos mover dificilmente conseguiremos a vitória de nossas idéias: a idéia de um país livre, que respeite as liberdades individuais, que respeite o nosso sagrado direito ao livre arbítrio, que respeite nosso direito a queremos melhorar de vida, que respeite as nossas conquistas, e que respeite nossa propriedade.

O 3º Encontro Liberal propõe uma medida simples: divulgar ao grande público as idéias liberais. Mas se formos incapazes de realizarmos as tarefas mais simples, dificilmente seremos capazes de executar as mais complexas.

3º Encontro de Liberais
Data: 28 de junho de 2008.
Horário: 16:00 horas
Locais:

Em Brasília: Píer 21 (em frente aos cinemas).

Uncategorized

A nova era do IPEA

Dizem que a própria Presidência proibiu a divulgação de previsões feitas pelo IPEA. Cabem aqui algumas observações. Primeiro, qualquer um sabe que não é deste órgão o monopólio do conhecimento econométrico no país. Logo, não há porque temer: o mercado fará suas previsões desde que tenha acesso aos dados básicos.

Neste caso, o pior pode acontecer (lembra-se da era “Zé Dirceu”, na qual o IBGE passou a ser obrigado a divulgar qualquer resultado de suas pesquisas à Presidência antes de divulgá-la aos pagadores de impostos e também aos receptores de Bolsa-Família, ambos eleitores?). Quanto tempo falta para o governo começar a arrumar desculpas para não divulgar certas notícias (“divulgar notícias sobre suicídio aumenta o número de suicídios”) ou dados primários para não alimentar a “especulação” das pessoas?

Um indivíduo não tem o direito de “especular” sobre o futuro dos filhos? Ou sobre o futuro do país? Ou sobre a aplicação do seu dinheiro?

O mais irônico desta história é o papel dos outrora auto-denominados “pós-keynesianos” que hoje estão em vários escalões do governo. Falam tanto do capitalismo incerto e que deve ser corrigido pelo governo e parecem acreditar, como crianças, que basta proibir a divulgação de dados e previsões que o mercado se tranquiliza. É uma versão moderna do congelamento de preços. Moderna, no sentido temporal, apenas. Não no sentido histórico.

Acabaram decretando o monopólio governamental da especulação. Incrível.

Uncategorized

Anti-econometria em alta

Tem gente fazendo piadinha maldosa, dizendo que só alguém que não sabe econometria tem medo de divulgar suas previsões. Talvez seja muita injustiça, mas é uma hipótese.

Houve um tempo em que o IPEA tinha uma fama melhor e, pasmem, este tempo vem desde antes da herança maldita de FHC e terminou recentemente. Resta-nos apenas pensar no que disse o Duke (mais aqui no Moral). A blogosfera séria de Economia não reagiu bem aos acontecimentos do IPEA…

Lamentável.

Enquanto isto, em ano eleitoral, tem gente dizendo que aumento de cheque para pobre só é populismo em teses de (s)ociólogos e cientistas políticos. E não contem com os movimentos sociais, moçada, eles estão com medo de serem retalhados. É o obscurantismo bolivariano chegando ao Brasil?