O que o lixo realmente diz?

Eis uma reportagem interessante sobre o lixo no Rio de Janeiro com um trecho que vale a pena criticar:

As lixeiras do subúrbio mostram que, apesar da renda menor, ali se é mais feliz. “Na segunda-feira, há muito resto de carvão e churrasco. Eles reúnem mais os amigos e a família no fim de semana”, analisa Adair. Nos bairros mais carentes do Centro, chama a atenção a quantidade de roupas velhas que não aparece nas áreas nobres.

Opa, opa. O sujeito come mal e trabalha pouco a semana toda. Aí no domingo, ele faz um churrasco com a turma. Será que isso realmente é felicidade? Por que o rico que não faz churrasco no final de semana é menos feliz? Eu também gosto de churrasco, mas dizer que a felicidade de todos pode ser medida pelo churrasco de domingo é ignorar a parte mais interessante da pesquisa que é tentar identificar os grupos de indivíduos segundo seu lixo sem, obviamente, identificar as preferências individuais.

Traduzindo: você pode encontrar tendências em um lixo de um bairro, mas não pode inferir nada sobre as preferências individuais de maneira precisa. Você também pode falar muita coisa interessante, mas tem que ser cuidadoso. Por exemplo, suponha dois bairros idênticos em tudo, exceto na oferta de frutas. Se o custo de transporte for importante, então pode ser que as pessoas de um bairro comam mais frutas do que as outras e isto nada nos diz sobre sua felicidade, exceto que os preços relativos são tais que frutas são preferidas a outros tipos de alimentos.

Mesmo assim, a matéria vale a leitura. Afinal, alimentação, riqueza e desenvolvimento econômico são conceitos que se relacionam intimamente, como mostra, por exemplo, este artigo.

Anúncios

Uma resposta em “O que o lixo realmente diz?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s