Um comentário em “O que dizem de mim, Meu Deus?

  1. Bom, talvez eu devesse ter dito que era a cara dos (bons) economistas. Eu acho que o Scott Adams queria criticar os (maus) ambientalistas, que tratam do assunto como se fosse uma religião cheia de dogmas e, por isso, se recusam a pensar através de trade-offs. Na tirinha, ou você deixa de viver ou odeia a Terra. É um exemplo claro de péssimo raciocínio, ecológico ou não. O Dogbert estava sendo cínico, mas tem muita gente que pensa assim sinceramente por aí…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s