Uncategorized

A esquerda brasileira vai negar tudo, mas…

Seria preciso existir possibilidade de visitas e acompanhamento sem controle prévio às escolas dos assentamentos – o que o MST jamais permitiria, porque levaria à desmoralização dessas atividades. Há exceções, notáveis, mas na maior parte dos casos é um exercício primaríssimo de doutrinação da meninada. É um absurdo chamar de educação o que está sendo feito nos assentamentos rurais quando prevalece o tom monocórdio da cartilha única. Pedagogia sem desenvolver o pensamento crítico e sem apresentar diversas leituras sobre o mundo pode ser chamada de educação?

Quem disse isto?

O neoliberal e traidor da causa Zander Navarro

É professor do Departamento de Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e pesquisador visitante do Instituto de Estudos sobre Desenvolvimento, na Inglaterra

Doutorou-se em sociologia na Universidade de Sussex, Inglaterra, e fez pós-doutorado no Massachusetts Institute of Technology (MIT), nos EUA

Nos anos 80, coordenou a seção gaúcha da Associação Brasileira da Reforma Agrária, aproximando-se do MST. Rompeu com a organização por discordar dos métodos, que considera não democráticos

Que absurdo! Logo, logo a esquerda festiva invadirá a blogosfera para explicar porque tudo isto é mentira e revelar-nos que este senhor é, na verdade, um propagandista na folha de pagamentos da CIA.

Claudio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s