Uncategorized

Podcasts

Ah, sim, os podcasts novos que incluo aqui estão também salvos na barra lateral, à direita.

O último foi o de ontem, sobre economia do suicídio, graduação em economia e vinhos em Zürich. Have fun!

Claudio

Continue lendo “Podcasts”

Uncategorized

Notícias Culturais da Selva

Na pauta de discussão, o teatro e o poder público. Um documento aprovado pelo coletivo marca posição crítica contra a Lei Rouanet (lei de incentivo federal que opera por meio de renúncia fiscal) – ‘o Redemoinho não reconhece a Lei Rounet como uma política pública para a cultura, uma vez que ela é privatizante, antidemocrática e excludente’. Propõe ainda, como ação política imediata, ‘a aprovação do Projeto de Lei Federal Prêmio de Fomento ao Teatro Brasileiro para o início da retomada do papel do Estado na formulação e execução de políticas públicas para a Cultura’.

O link é por minha conta. A notícia original é do Estadão.

A lei não vale porque ela é “privatizante, antidemocrática e excludente”? Vejamos, se eu tiro R$ 1.00 do bolso de cada brasileiro e dou para os chefes do grupo X, é privatizante. Se dou para os chefes do grupo Y, não? Tem problema. Segundo, democracia é alocar recursos por critérios outros que não os de mercado? Se sim, suponha que o critério seja a regra da maioria simples (51% de aprovação). Neste caso, os 49% que perderam a votação estão sendo “excluídos”?

Falar é fácil. Arcar com os custos do que se fala é difícil.

Claudio

Continue lendo “Notícias Culturais da Selva”

Uncategorized

Igreja bonita prá cachorro


Fonte: Haselmann

Outro dia fui ate uma cidade perto de Praga no interior da Rep. Tcheca, chamada Kutna Hora, onde eram cunhadas as moedas de prata na Boehmia e que possui uma igreja muito famosa por um padre ter trazido terra de Jerusalem e ter um ossuario enorme. Devido a sua popularidade e as vitimas da peste negra a cemiterio ficou lotado, entao o padre resolveu fazer arte com os ossos…

Claudio

Continue lendo “Igreja bonita prá cachorro”

Uncategorized

Pode xingar, que a liberdade de pensamento existe?

Além de querer me pautar, gosta de ofender. A prova da educação está aqui: o blog dele continua nos links fixos e nunca foi rotulado. Mas o menino não aguenta. Precisa xingar e rotular. Pode espernear, mas no seu galho. Aqui, não.

Como bem me ensinaram outro dia: liberdade de pensamento existe. Já a liberdade de expressão é regulada. Em resumo: falar é fácil, arcar com os custos do que se fala é que é difícil. Exige humildade.

Claudio

Continue lendo “Pode xingar, que a liberdade de pensamento existe?”