Uncategorized

O mentiroso foi pego novamente

Há boas e más críticas ao governo Bush. E há os que enganam, como Michael Moore. Enganavam, digo. Porque agora ele enfrenta mais um processo. Desta vez um veterano da guerra no Iraque que afirma que sua imagem foi usada de forma errada no filme do cineasta espertinho, invertendo o sentido de seu protesto.

Este são os EUA: se você é contra o governo, pode fazer um filme que ninguém te ameaça de expulsão do país.

Claudio

Continue lendo “O mentiroso foi pego novamente”

Uncategorized

Você se sente vítima da exploração luso-espanhola do século XVI?

Faça o seguinte: faça seu presidente comprar esta carta, trazê-la ao país e realizar um novo leilão onde apenas os mais raivosos defensores da tese das “perdas internacionais” poderão participar. O dinheiro arrecadado irá para os descendentes dos explorados, sem quotas raciais ou outros critérios discriminatórios. Ou seja: X/180.000.000 (X = valor arrecadado líquido da compra no leilão estrangeiro, claro, para não gerar perdas internacionais).

Claudio

Continue lendo “Você se sente vítima da exploração luso-espanhola do século XVI?”

Uncategorized

Combater a obesidade sem requintes de autoritarismo

“It’s really difficult for a restaurant to gauge what a person should be eating. Can you imagine going into a restaurant and the waiter saying, ‘Sir, your pants look a little tight today. I have to bring you the fresh fruit plate rather than the chocolate cake for desert'” Cohn said, adding: “It’s not really the responsibility of restaurants to restrict the foods that they offer.”

Pergunta do dia: quantos membros de “ONGs” que dizem combater a obesidade, no Brasil, você conhece (com esta clareza de raciocínio, claro)?

O que eu quero dizer é que há várias formas coletivas de se combater um problema individual: desde o autoritarismo máximo até uma postura liberal. Particularmente, prefiro a última. É a mesma que me permite (e aos que de mim discordam) escrever isto sem censura governamental.

Claudio
p.s. isto sem falar que há comidas culturalmente distintas em termos do que você encontra prato. Existe yakisoba, rolinho primavera e sopa de enguia. Quem é que vai me proibir de comer um deles? Ninguém.

Continue lendo “Combater a obesidade sem requintes de autoritarismo”

Uncategorized

Instituições, Federalismo…e tudo o mais

Ainda passeando pelos artigos apresentados no encontro de 2006 da Public Choice Society, encontrei mais artigos que talvez interessem aos leitores que gostam da discussão sobre federalismo e instituições:

1. The Modern Impact of Precolonial Centralization in Africa

2. Are Fiscal Adjustments less Successful in Decentralized Governments?

3. Rent-seeking and the extent of the market

Fala a verdade, dá vontade de passar a vida só pesquisando, né?

Claudio

Continue lendo “Instituições, Federalismo…e tudo o mais”

Uncategorized

Papers….papers…

Sugestões de trabalhos:

1. Veja o abstract abaixo:

Using data from 19 industrial countries for the period 1985 to 2002, this paper analyzes how the size of the government sector affects unemployment. Controlling for the impact of the business cycle as well as for the impact of all major labor market institutions and unobserved country effects, we find that a large government sector is likely to increase unemployment. It appears to have a particularly detrimental effect on women and the low skilled and to substantially increase long-term unemployment. It seems that dominant stateowned
enterprises, a large share of public investment in total investment as well as high top marginal income tax rates and low income threshold levels at which they apply are particularly detrimental.

2. Que tal olhar uma outra amostra como…a América Latina (e controlar pela explosão do populismo)?

Não se esqueça de me agradecer pela sugestão. Seja educado: cite o blog.

Claudio

Continue lendo “Papers….papers…”

Uncategorized

Democracias e Ditaduras….quem ganha?

Eis um working paper bacana que, na minha opinião, mostra bem como o tema ainda é controverso e pode ser tratado de maneira mais profunda do que os trabalhos em que o sujeito resenha a história de um país e acha que provou que as botas dos generais geram mais bem-estar do que a caixa registradora.

Vale a leitura e vale o conselho: leia Mancur Olson, cara.

Claudio

Continue lendo “Democracias e Ditaduras….quem ganha?”