Desenvolvimento econômico

Dê-lhe mercado e, depois, democracia

Guido Tabellini parece ter chegado a uma conclusão polêmica nesta resenha da literatura. O mais interessante é justamente o que citei no título deste post.

Para alunos de economia (pós ou não) é um excelente resumo do que tem sido feito na área de desenvolvimento econômico. Corrijo-me: do que tem sido feito – com alta qualidade – na área de desenvolvimento econômico.

Aqueles que têm acesso ao portal CAPES de periódicos ou à revista Kyklos poderão apreciar o conteúdo do texto.

Sim, eu recomendo.

Ah, tenham paciência leitores, o Leo está com problemas familiares como já disse antes. Enquanto isto, mantenho este blog sozinho. Eu sei que sou mais chato mas é a vida. 🙂

Claudio
p.s. Ainda na mesma Kyklos, aqui vai um conselho para os leitores que constituiram família: ouçam o economista.

Continue lendo “Dê-lhe mercado e, depois, democracia”

Uncategorized

Agências reguladoras

Este governo realmente leva a sério o papel das agências reguladoras. O ministro das Comunicações, por exemplo, adora a ANATEL.

Algum candidato à presidência mudará isto? A reeleição do atual ocupante da Granja do Torto não parece indicar mudanças que nos tornem mais competitivos. A oposição não parece animada a discutir isto.

Enfim, pelo menos na blogosfera a gente pode conversar.

Claudio

Continue lendo “Agências reguladoras”

microeconomia

No Hospital

A avó do Leo está no hospital e ele me pediu, hoje, para postar este.

Duas propostas modestas de quem tem passado os últimos dias no hospital:

1- Colocar as informações sobre a saúde dos pacientes na internet. É impressionante o quanto de tempo enfermeiras e familiares perdem informando os outros.

2- Que tal cobrar pelo acesso aos pacientes? No hospital em que minha avó está, só duas visitam podem vê-la ao mesmo tempo. Isso cria uma confusão em alguns horários. E, de qualquer forma, quanto menos visitas o paciente receber melhor para manter o hosptial livre de infecções.

(Para que não digam que é uma proposta neo-liberal-globalizante-excludente, o $ arrecadado poderia ir para instituições de caridade)

Leo (através do Claudio)

Continue lendo “No Hospital”